Participação: Vigilância em Saúde em pauta na conferência estadual de Goiás

De 5 a 7 de outubro, em Goiânia, o Conselho Estadual de Saúde de Goiás (CES-GO) realizou sua 1ª Conferência Estadual de Vigilância em Saúde (1ª CNVS). O evento reuniu 400 pessoas com representações das 18 regiões que compõem o estado. Agora, as propostas aprovadas seguirão para a etapa nacional, que vai acontecer de 28 de novembro a 1º de dezembro, em Brasília.

Além das propostas trazidas pelos conferencistas, os delegados e delegadas aprovaram 50 moções durante os três dias de trabalho. Os documentos reforçam a necessidade de ações de vigilância na sua integralidade. “Foi uma conferência muito participativa. Tivemos proposições vindas de todos os municípios de Goiás, com relação ao financiamento e a efetivação dos diferentes tipos de vigilâncias ”, disse o secretário do CES-GO, Venerando de Jesus.

Para ele, mesmo sendo fundamental para a atenção básica, o tema da vigilância ainda é pouco difundido entre a população e muitos gestores. “A vigilância em saúde está em todas as etapas do Sistema Único de Saúde (SUS). Precisamos efetivar as políticas de vigilância porque é uma forma de economizar nos gastos com saúde”, explica, informando que as ações de vigilância são ações preventivas.

Em breve, os 48 delegados e delegadas, entre trabalhadores, usuários e gestores, seguem com suas propostas para debater na etapa nacional junto às propostas de outros estados. Ao fim, um documento deverá compor as diretrizes do Ministério da Saúde na orientação e desenvolvimento das políticas para a área.

Ascom CNS

Ler 207 vezes Última modificação em Segunda, 09 Outubro 2017 18:32