MT discute diretrizes para Política Nacional de Vigilância em Saúde

Com a missão de propor diretrizes para a formulação de uma Política Nacional de Vigilância em Saúde, começou na noite de segunda-feira (06.11), em Cuiabá, a conferência estadual que vai debater o assunto com a presença de participantes de todo o Estado. Organizado pelo Conselho Estadual de Saúde (CES), com o apoio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), o encontro é uma preparação para a Conferência Nacional que será realizada no fim do mês em Brasília.

“Esse é um momento de união de esforços e de reflexão sobre o modelo de saúde pública para a sociedade em geral, avançando na ampliação do acesso aos serviços e melhorando a qualidade. Há muitos avanços para serem alcançados em prol de um SUS ainda melhor para a população”, destacou a secretária adjunta de Políticas e Regionalização da SES, Maria José da Silva, que participou da abertura no Hotel Fazenda Mato Grosso, ao lado da superintendente de Vigilância em Saúde, Maria de Lourdes Girardi, e de outros representantes da SES.

De acordo com a secretária-executiva da CES, Lúcia Almeida, a 1ª Conferência Estadual de Vigilância em Saúde (1ª CEVS) será encerrada nesta quarta-feira, dia 8, com a aprovação de propostas e eleição de delegados que vão representar Mato Grosso na Conferência Nacional em Brasília.

A superintendente de Vigilância em Saúde, Maria de Lourdes Girardi, destacou a participação da equipe técnica da Vigilância, que não mediu esforços em contribuir para o sucesso do evento. “Nós, gestores públicos, entendemos a importância desse trabalho de construção de política pública para essa área da saúde tão importante, afinal é a Vigilância quem atua na prevenção e na melhoria da qualidade dos alimentos e da água que consumimos, no cuidado com a saúde do trabalhador e no combate às endemias controle de vetores de doenças como a dengue, a zika vírus, a febre amarela entre outros”, afirmou.

A Conferência está acontecendo em todos os Estados e é uma preparação para a Conferência Nacional que será realizada entre 28 de novembro e 1º de dezembro, em Brasília com o tema central “Vigilância em Saúde: Direito, Conquistas e Defesa de um SUS Público de Qualidade”. Em Mato Grosso, dos 141 municípios, 94 realizaram a conferência municipal ao longo deste ano e cada município elegeu os delegados e assistentes para o evento estadual.

Na Conferência Nacional vão participar os delegados e assistentes estaduais que serão eleitos em cada Estado. O Conselho Nacional de Saúde pretende reunir cerca de duas mil pessoas em Brasília, entre os trabalhadores, usuários, gestores, conselheiros municipais, estaduais, nacionais e secretários de saúde, e também representantes de movimentos sociais em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), que estarão empenhados na construção da Política Nacional de Vigilância em Saúde. 

Fonte: Imprensa GOV MT

Ler 72 vezes